este blogue vai existir durante algum tempo mas depois vai parar por merito proprio

Terça-feira, 30 de Novembro de 2010

Amiga espero saber responder à tua duvida.

 

Sintomas da sida:

 

A SIDA não se manifesta da mesma forma em todas as pessoas. No entanto, os sintomas iniciais são geralmente semelhantes e, além disso, comuns a várias outras doenças. São eles: febre persistente, calafrios, dor de cabeça, dor de garganta, dores musculares, manchas na pele, gânglios ou ínguas embaixo do braço, no pescoço ou na virilha e que podem levar muito tempo para desaparecer.
Com a progressão da doença e com o comprometimento do sistema imunológico do indivíduo, começam a surgir doenças oportunistas, tais como: tuberculose, pneumonia, alguns tipos de câncer, candidíase e infecções do sistema nervoso (toxoplasmose e as meningites, por exemplo).

 

Duvidas Frequentes

 

P : Para se fazer o diagnóstico de uma possível infecção pelo VIH, que período de tempo deve-se esperar para fazer o teste de SIDA?

R: Após exposição à situação de risco, recomenda-se uma espera de 03 meses (90 dias) para fazer o teste de identificação

 

P: A ausência de sintomas evidentes da doença exclui a possibilidade de haver infecção pelo virus VIH?

R: Não. A pessoa pode estar infectada pelo VIH e não ter desenvolvido a doença (SIDA), não tendo, portanto, nenhum sintoma da doença. A SIDA propriamente dita pode levar mais de 10 anos para aparecer e manifestar os primeiros sinais e sintomas.

 

P: Após a infecção pelo VIH, quanto tempo pode demorar até a manifestação dos primeiros sintomas da SIDA?

R: Em geral, os primeiros sintomas da SIDA começam a aparecer entre oito e dez anos após a contaminação pelo HIV, como consequência à diminuição do número de linfócitos T CD4+, que são as células de defesa do organismo. Esse tempo, porém, varia de pessoa para pessoa. Há casos em que a SIDA demora mais tempo para se manifestar, podendo a presença do VIH passar despercebida por vários anos. Há registro de casos em que se passaram 15 anos até a manifestação dos primeiros sintomas da doença (aparecimento das infecções oportunistas), tempo este denominado período de incubação. Nessa fase, o acompanhamento médico é muito importante. A queda da contagem de linfócitos T CD4+ é de 30 a 90 células por ano e está directamente relacionada à velocidade da reprodução viral e à progressão para a SIDA.

 

P: O que é fase aguda da infecção pelo VIH?

R: A manifestação do vírus não ocorre de forma idêntica para todas as pessoas. Porém, geralmente, os sintomas aparecem como uma gripe (febre alta, dores do corpo e mal estar) acompanhada de manchas vermelhas pelo corpo (denominadas rash cutâneo) e linfadenopatia generalizada (aumento dos gânglios ( caroços) em diferentes partes do corpo). O tempo entre a exposição ao vírus e o aparecimento dos primeiros sintomas é de cinco a 30 dias, com uma duração média na faixa de sete a 14 dias. No entanto, como os sinais e sintomas dessa fase são inespecíficos e comuns a outras patologias, eles não definem o diagnóstico de infecção pelo HIV. Por isso, a única maneira de saber a causa de tais sintomas é fazendo um teste anti-HIV

 

 

Espero ter-te ajudado amiguinha!!

 

 

publicado por gatinhafofa às 06:30

Quarta-feira, 24 de Novembro de 2010

Dez mandamentos importantes da respiração:

  1. Ventilar bem a casa onde vivemos
  2. Permanecer ao ar livre tantas horas do dia quanto puder
  3. Exercitar suficientemente os pulmões para os encher de ar puro
  4. Evitar respirar poeiras, pois danificam os pulmões
  5. Não fumar, seja que qualidade de tabaco for
  6. Respirar sempre pelo nariz
  7. Não usar roupas apertadas que dificultem a respiração
  8. Fazer ginastica respiratoria diariamente
  9. Deitado, nunca tapar a face com a roupa da cama, porque fica a respirar o ar viciado, que contem venenos que já foram expelidos
  10. Nunca se deitar com a braseira acesa, com tudo fechado, porque o monoxido de carbono que se forma mata;
publicado por gatinhafofa às 15:13

Quarta-feira, 17 de Novembro de 2010

O ar atmosférico respirável é uma mistura gasosa que contém 78% de azoto e 22% de oxigénio e 1% de gases raros. E a capacidade pulmonar de um indivíduo é a quantidade de ar (4,5 a 5 litros) que os pulmões contêm após uma inspiração forçada ao máximo.

 

O ar residual é aquele que permanece nos pulmões após uma expiração no seu máximo esforço (cerca de 1 litro). A capacidade pulmonar (4,5 a 5 litros), menos o ar residual (1 litro), chama-se capacidade vital. Ar corrente é o nome dado ao ar que inspiramos e expiramos a cada ciclo (cerca de meio litro de ar). No homem adulto, em condições normais, existem 16 ciclos respiratórios por minuto. A mulher tem 18 ciclos respiratórios por minuto.

 

O ar é o elemento primordial para manter a vida e é inquestionável a importância do ar puro e fresco para a nossa saúde. A respiração profunda facilita a eliminação dos materiais tóxicos, purifica o sangue, fortalece os pulmões e ajuda a libertar as excreções pulmonares. A saúde depende, em grande parte, tambem da respiração. O ar puro e fresco facilita a circulação, diminui a fadiga, refresca o cérebro e renova as energias.

 

O ar puro é mais necessário do que a água ou o alimento, não podemos viver sem ele mais do que uns minutos sem deixar sequelas e, por mais tempo, não sobrevivemos.

 

Se impedirmos ou taparmos a respiração a qualquer animal, matamo-lo em poucos minutos; se houver um incêndio na cozinha e lançarmos um cobertor sobre as chamas, elas extinguem-se. Tal como o fogo, para se manter, precisa do oxigénio do ar; o nosso organismo necessita constantemente do ar que respiramos para produzir a combustão lenta e dar calor e energia necessários à manutenção da vida, e precisamos de que o ar seja puro se queremos manter a saúde.

 

Aproveitemos o ar da manhã para abrir as janelas e arejar a casa, de preferência quando o sol bate nas nossas casas. A renovação do ar é indispensável à saúde. O doente carece de ar puro para se curar e a pessoa saudável carece de ar puro para se manter fisicamente em forma.

 

Os exercicios fisicos promovem a respiração profunda que enche os pulmões de ar puro e faz libertar o monóxido de carbono (gás venenoso para o nosso corpo).

publicado por gatinhafofa às 15:13

Quinta-feira, 11 de Novembro de 2010

A água, no seu estado líquido, é um fluido limpido, modoro, transparente e incolor em pequenas quantidades e azul-pálida quando observada nos oceanos. Constitui uma parte significativa da superficie terrestre (dois terços da superficie da Terra são constituidos por água dos oceanos, dos rios e dos lençóis subterrâneos).

 

A terapia pela água é utilizada desde os tempos mais remotos e continua ainda hoje a gozar do prestígio e a ter um valor importante na medicina natural e na fisioterapia. Médicos célebres, como Hipócrates, Celso e Galeno, ficaram na história por aplicarem a água no tratamento dos seus doentes.

 

Existem vários tipos de banhos hidroterápicos que se usam em muitíssimas doenças:

  •  Banho frio de chuveiro;
  • Banho de imersão;
  • Sauna ou banho de vapor;
  • Inalação;
  • Banho de assento quente;
  • Banho de tronco;
  • Banho vital;
  • Pedilúvio frio;
  • Escalda-pés (choque térmico);
  • Compressas húmidas quentes;
  • Compressas húmidas frias;
  • Saco de gelo;
  • Saco de água quente;

Mais à frente neste blogue se falará de algumas noções de hidroterapia.

 

Beijinhos a todo o pessoal que visita este meu cantinho.

publicado por gatinhafofa às 14:17

Quarta-feira, 03 de Novembro de 2010

Toda a vida física na Terra é possivel devido ao Sol, sem ele a vida é simplesmente impossivel. Toda a energia, luz e calor dependem directa ou indirectamente de Sol. Os raios solares são germicidas; não se conhece melhor desinfectante do que o Sol. A energia solar é armazenada nas plantas (árvores e verduras) pelo processo da fotossíntese, sob a forma de hidratos de carbono, gorduras e proteínas, quando expostas aos raios solares. Nós alimentamo-nos dessa energia quando comemos cereais, frutas, nozes e verduras, a qual é transmitida às nossas células. O ser humano armazena mais energia quando se alimenta de vegetais do que quando se alimenta de carne.

 

Hélios significa em grego Sol. A helioterapia é o tratamento pela luz solar. Do Sol ligam à Terra raios luminosos de grande intensidade. São os raios ultravioletas, de curto comprimento de onda e merecem realce aqui neste blogue porque, ao incidirem na nossa pele, servem para transformar o caroteno em vitamina A, que impede de se sofrer da cegueira nocturna, e o ergosterol ou pró-vitamina D em vitamina D, que nas crianças evita o aparecimento do raquitismo e ajuda a fixar o cálcio nos ossos.

 

Assim como os vegetais verdes, ricos em clorofila, sintetizam os seus próprios alimentos na presença dos raios solares, do mesmo modo, o nosso corpo, na presença dos raios solares, transforma essas substâncias noutras que são essenciais à nossa saúde; como vimos, o caroteno, ou pró-vitamina A, transforma-se em vitamina A, o ergosterol ou pró-vitamina D é transformado em vitamina D conforme acima se descreveu; e a melanina da pele deixa a pele mais escura para nos proteger contra o excesso das radiações solares (o pigmento melanina é o protector que evita que as pessoas sofram de queimaduras solares).

 

Deste ponto de vista, o Sol é absolutamente necessário para o tratamento de muitas doenças dos ossos. São, portanto, benéficos, os banhos de sol, em pequena quantidade, de manhã ou à tardinha. Mas, se exagerarmos no tempo de exposição solar, os efeitos tornam-se nocivos à saúde, por provocarem queimaduras na pele. O perigo de insolação nos banhistas e a formação do cancro da pele é mais frequente em agricultores e pescadores. Como prevenção de todos esses perigos, deve ser usado um creme protector ou evitar a exposição nas horas em que o Sol é mais intenso e se encontra no seu zénite. O nosso corpo tem a capacidade de controlar a entrada da luz na pele, fabricando a já referida melanina.

 

As crianças necessitam de apanhar Sol, porque a vitamina D é importante para a fixação do cálcio nos ossos e para o crescimento e fortalecimento dos mesmos, bem como para facilitar a fixação do fósforo no sistema nervoso, necessário às actividades cerebrais normais.

 

Tambem os adultos, embora menos necessitados do que as crianças, porque não estão em fase de crescimento, devem apanhar Sol para a sintetização das mesmas vitaminas (vitamina A e D), porque estas duas substâncias beneficiam o funcionamento geral dos órgãos do nosso corpo. A natação, os passeios no campo, a jardinagem e outras actividades ao ar livre, além de recreativas, fornecem estas vitaminas ao nosso organismo.

publicado por gatinhafofa às 11:48

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2010
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

14
15
16
18
19
20

21
22
23
25
26
27

28
29


Últ. comentários
Houve um monte de dúvidas sobre a cura da aids hiv...
Há um passatempo a decorrer no meu blog, participa...
YUPIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII...
Vim retirbuir sua visita!!Achei muito interessante...
gostei imenso do post!
Obrigada querida :D
estive a pouco tempo a fazer um trabalho sobre est...
tens razão (:
Confusão na minha cabeça querida ...
obrigado querida. já postei. :)
arquivos
Visitas
contador gratuito
Visitas
contador gratuito
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro